sexta-feira, 27 de junho de 2014

O pinguim-imperador e o frio

O pinguim-imperador

Na Antártica, o pinguim-imperador gosta de ficar parado no congestionamento. Como as temperaturas podem chegar a -50 ºC, a aglomeração física ajuda a preservar o calor e a energia dos machos enquanto chocam os ovos. Os pinguins atuam em conjunto. No outono passado, uma equipe de pesquisa constatou que, quando uma ave se move, gera ondas de movimentos em todas as direções, a medida que os outros se reacomodam.
Outras aves também se congregam e atuam como se fossem um só organismo. "O que distingue os pinguins-imperador é que eles procuram restringir o espaço que os separa, visando o aquecimento", explica o físico Richard Gerum, da Universidade de Erlangen-Nuremberg. A sua simulação das aglomerações de pinguins talvez sirva no futuro para detectar maneiras de melhorar o fluxo no tráfego dos carros nas grandes cidades. 

Por Daniel Stone


Fonte: Revista National Geographic - Edição Junho/2014
Veja mais aqui no site da National.


Se for compartilhar use a fonte >> PLÁGIO É CRIME <<


                                                                                             Fonte da imagem


Curtiu?

Nenhum comentário:

Postar um comentário